As criações de Iris Van Herpen

May 27, 2020

 

As criações em 3D dessa designer holandesa, são primorosas e conceituais.

 

Seus trabalhos são reconhecidos e valorizados em todo o mundo e suas peças são exclusivas e de alto valor.

 

Criações assim são feitas para impressionar e o ser humano reconhece, que tais resultados tem um apelo visual que está mais valorizado do que o conforto das peças, ainda que, elas possam ser extremamente confortáveis. 

 

Mas são obras de arte!

 

 

 

Criações que só parecem comuns.

 

Aqui tem uma estrutura, um conhecimento de extrema sofisticação, empenho e dedicação.

 

Cada uma de suas novas coleções, implica em buscas e descobrimentos que desafiam as

noções pré concebidas do que deve ou pode ser um tecido ou um vestido.

 

 

 

O contraste das cores, os materiais utilizados e a forma como tudo isso está construído é que encanta e demonstra, que a peça está carregada de arte, pesquisa, laboratório de provas e uma equipe formada por desenhadores, costureiros, arquitetos e cientistas.

 

 

 

Nessas criações pode-se ver de modo bem claro o poder do resultado em 3D e o uso das cores frias: em opacos e com brilhos.

 

Em seu último desfile, Syntopia, Iris Van Herpen, surpreendeu a todos mostrando a colisão da biologia com a tecnologia.

 

 

Roupas para cobrir heroínas de outras galáxias e até pessoas comuns.

Roupas com arquitetura onde o apelo e o resultado visual são fascinantes.

Construções assim não passam desapercebidas e a comunicação é múltipla.

Agrada em demasia, as mulheres de estilo futurista, geométrico, artístico, romântico, fluído, ingênua, hi-tech ou dramática.

 

Os tecidos que ela utiliza, o recurso que o plissado empresta às suas criações, o tule em abundância, o volume, os contrastes dentro da mesma temperatura em cores e tons, determinam que por um bom tempo, anos mesmo, o que as pessoas no mundo todo estarão usando esses mesmos materiais.

 

 

 

VICORES, defende a tese que é a vida que imita a arte. 

Os artistas, com a sensibilidade que lhes é particular, colocam em exposição, o que os seres humanos comuns, adotarão bem mais tarde em suas vidas.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload