Green is the new black!

October 14, 2016

 

Existem algumas cores que são classificadas como básicas, o verde acinzentado é uma delas. Há um certo grupo de pessoas catalogadas como "de inverno" que tendem a ficar estonteantes nesse tom. Esse grupo não limita-se a etnias mas sim a outros grupos de características, muito individuais, que desbravaremos com a profundidade necessária no futuro!

 

 

Então, como saber se essa cor foi feita para você? O processo ideal seria ter uma acessoria de cor e imagem, onde você teria acesso a um profissional que avaliaria todas as suas características pessoais e montaria uma paleta de cores perfeita para realçar suas características naturais. Caso essa não seja uma opção viável, resta experimentar, sob uma luz boa, se esse tom é o que te favorece. A identificação com a cor tende a ser imediata, é muito natural que ao vestir determinada cor notemos na hora se aquilo nos favorece ou não, principalmente quando colocada próxima ao rosto, nota-se que aquele tom ilumina sua pele, diminui a percepção de olheiras e imperfeições e principalmente que ela trabalha para valorizar sua imagem não competindo com ela.

 

 

 

Por se tratar de uma cor básica os looks são facilmente renovados, tornando-a ideal para composições de transição, como roupas de viagem,  dias em que precisamos ir de um visual discreto para algo mais elaborado, mudando apenas os acessórios conseguimos uma identidade completamente diferente para aquele modelo.

 

 

Uma excelente forma de usar o verde acinzentado para sair do básico, do discreto, é apostar em sobreposições de contraste, é uma cor que fica maravilhosa quando combinada com tons fortes como o fucsia, o magenta, violeta, outras cores básicas como o branco, cinza e azul, e até com outros tons de verde, como o verde água.

 

Se esta cor foi feita para você, aposte alto nela, em peças versáteis e atemporais, como blazers, vestidos retos, camisas..., e aproveite para brincar não apenas com as cores contrastantes como com as texturas, unindo algodão e seda, denin e cetim, opostos que tendem a criar visuais mais complexos e interessantes!

 

(Todas as imagens foram retiradas do google imagens e não tem vinculo intelectual com esse blog)

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload